Mediacine
Destaques da semana

5º CINECLUBE FRANCO-GERMÂNICO

O Cineclube Franco Germânico, é uma parceria entre o Consulado da França/Institut Français e o Goethe-Institut Rio de Janeiro, que exibe uma dobradinha de filmes das duas nacionalidades em torno de uma temática definida para cada encontro. Nesta quinta sessão, que acontece no dia 17 de junho, o tema é Pé na Estrada.

A curadora Andrea Ormond (pesquisadora, curadora e crítica de cinema) escolheu dois road movies para contar as histórias de protagonistas que viajam sem pouso certo, entre cidades e absurdos diferentes. Antes de cada exibição, haverá um bate-papo com Ormond, que apresentará os filmes, às 18h e às 20h.

Às 18h, será exibido o filme Até Já, de Benoît Jacquot, uma volta à contracultura dos anos 70, baseada em fatos reais. Já às 20h, será exibido Alice nas Cidades, de Wim Wenders, primeiro filme da trilogia de road movies, fonte de inspiração para Central do Brasil, de Walter Salles.

O Cineclube Franco Germânico é gratuito. Para mais informações, acesse o evento oficial no Facebook.


Festival Varilux de Cinemas Francês

O Festival Varilux de Cinemas Francês 2019 está no ar e acontece acontece em mais de 50 cidades por todo o Brasil até o dia 19 de junho.

Este ano, o festival celebra 10 anos de existência com essa linda programação : Astérix e o Segredo da Poção Mágica, de Louis Clichy Alexandre AstierGraças a Deus, de François OzonA Revolução em Paris; de Pierre Schoeller; e Quem você pensa que sou, de Safy NebbouAmor à Segunda Vista,de Hugo Gélin, Através do Fogo, de Frédéric Tellier; Boas Intenções, de Gilles Legrand; Cyrano Mon Amour,de Alexis Michalik; Os Dois Filhos de Joseph, de Félix Moati; Filhas do Sol, de Eva Husson; Finalmente Livres, de Pierre Salvadori; Um Homem Fiel, de Louis Garrel; Inocência Roubada, de Andréa Bescond Éric Métayer; O Mistério de Henri Pick, de Rémi Bezançon; Mon bébé, de Lisa Azuelos; O Professor Substituto, de Sébastien Marnier; e o clássico Cyrano de Bergerac, de Jean-Paul Rappeaneau.

O festival conta ainda com uma presença bastante expressiva de franceses. Na delegação francesa, constam os nomes de Swann Arlaud, Joséphine Japy, François Civil, Thaïs Alessandrin, Lisa Azuelos, Alexis Michalik, Andréa Bescond Pierre Schoeller.

Para saber mais detalhes e novidades sobre a edição de 2019 do Festival Varilux de Cinema Francês, acesse o evento oficial no Facebook.


CAMPANHA DE FINANCIAMENTO COLETIVO - ANIMA MUNDI 2019

O Anima Mundi, maior festival  de animação da América Latina, realiza em 2019 sua 27ª edição.

Neste ano, o festival lançou uma campanha de financiamento coletivo #EuAnimo para viabilizar sua realização. A campanha, que vai até o dia 27 de junho, tem o objetivo de fazer acontecer as edições no Rio de Janeiro (marcada para acontecer entre os dias 17 e 21 de julho) e em São Paulo (entre 24 e 28 de julho).

Na edição deste ano, o francês Marcel Jean, do Festival de Annecy, depois da edição de 2018 com foco no Brasil, vem ao Animamundi para participar do festival.

A campanha de financiamento está disponível na plataforma do Benfeitoria e conta com a ajuda de admiradores do festival e de empresas. As doações variam entre os valores de R$20,00 E R$50.000, com recompensas e menções honrosas para os contribuiente.

Clique aqui para ajudar o Anima Mundi 2019.

Mais informações em http://bit.do/eUR4G.


Bate papo "Estado da Crítica: Olhar Cruzado França-Brasil"

No dia 18 de junho, a Embaixada da França no Brasil apresenta o bate papo "Estado da Crítica: Olhar Cruzado França-Brasil" com o historiador e crítico de cinema franco-israelense Ariel Schweitzer. A conversa será mediada pelo jornalista, professor e pesquisador Pedro Butcher.

O evento está datado para acontecer às 14h30 do dia 18 de junho na BiblioMaison, no Rio de Janeiro. A conversa conta com tradução simultânea e é sujeita À lotação. Para participar, do bate-papo Estado da Crítica: Olhar Cruzado França-Brasil é obrigatório confirmar presença através do endereço: mariana.gago@diplomatie.gouv.fr.

O palestrante Ariel Schweitzer está no Brasil para cobrir a oitava edição do festival Olhar de Cinema, em Curitiba. No dia 13 de junho, às 19h30, ele participará de uma homenagem a Ronit Elkabetz, no Instituto Moreira Salles Rio, com a exibição do filme O julgamento de Viviane Amsalem, de Ronit Elkabetz e Shlomi Elkabetz.


MOSTRA INSURREIÇÃO

Entre os dias 18 e 27 de junho, acontece em Porto Alegre a Mostra Insurreição. O evento, organizado pela Cinemateca Capitólio e a Aliança Francesa e conta com apoio da Cinemateca da Embaixada da França, o Institut Française o Goethe-Institut.

Durante a mostra, serão exibidos obras de 3 nacionalidades: Brasil, França e Alemanha. Os filmes franceses a serem exibidos são Uma Juventude Alemã, de Jean-Gabriel Périot; Zero de Conduta, de Jean Vigo; Morrer aos 30 Anos, de Romain Goupil; A Assembleia, de Mariana Otero; e 120 Batimentos por Minuto, de Robin Campillo.

A mostra acontecerá na Cinemateca Capitólio entre os dias 18 e 27 deste mês (com ingressos a R$10,00 a inteira e R$5,00 a meia) e também no Auditório do Goethe-Institut no dia 24 de junho, exibindo o filme Rasga Coração, de Jorge Furtado, com entrada franca e debate com o público ao final.

Para mais detalhes e informações, acesse o site oficial da Cinemateca Capitólio.


INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O CURTA CINEMA 2019

Estão abertas até o 31 de julho, as inscrições para Festival Curta Cinema - Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro. O festival acontece entre os dias 30 de outubro a 6 de novembro.

O Curta Cinema qualifica o seu grande vencedor para concorrer a uma vaga no Oscar e no Bafta. Os interessados em participar devem realizar inscrição através da plataforma do festival, que aceita produções de todos os gêneros e estilos, produzidas entre os anos 2018 e 2019, com até 30 minutos de duração. Para inscrever projetos, clique aqui.

Para mais informações, acesse http://curtacinema.com.br.


Cinemaison no Rio de Janeiro

17.06 CINEMAISON


Em cartaz no Brasil
Eu não sou uma bruxa

13.06 EU NÃO SOU UMA BRUXA

I am not a witch (França, Grã-Bretanha (Reino Unido, UK), Zâmbia 2017).

De de Rungano Nyoni. Com Margaret Mulubwa, Henry B.J. Phiri e Gloria Huwiler. Drama em /93’.

Depois de um incidente banal em sua vila, Sulha, uma menina de 8 anos é acusada de bruxaria. Após um rápido julgamento, a garota se torna culpada e é levada em custódia pelo Estado, sendo exilada para um campo de bruxas no meio do deserto, onde ela irá aprender as regras da sua nova vida como bruxa.

Distribuição: Imovision.


SIGA-NOS NO FACEBOOK, TWITTER E PELO RSS

Facebook Twitter RSS

Caso não consiga visualizar o conteúdo, clique aqui.

Caso não queira mais assinar este boletim, clique aqui.