Gérard Depardieu

Gérard Depardieu

Biografia

Com origens humildes, filho de um operário metalúrgico, fugiu de casa aos treze anos. Após uma juventude delinquente, é encaminhado por uma assistente social a trabalhar no teatro, iniciando-se no grupo <span style="font-weight: bold;">Café de la Gare</span>, onde conhece <span style="font-weight: bold;">Patrick Dewaere</span> e <span style="font-weight: bold;">Miou-Miou</span>. Estreia-se no cinema, ainda adolescente, com a curta-metragem <span style="font-style: italic;">Le Beatnik</span> <span style="font-style: italic;">et le minet </span>(1965). <br />Depois de actuar em pequenos papéis, populariza-se em <span style="font-style: italic;">Os Corações Loucos</span> (1974) de Bertrand Blier. Na década de 1980 consolida-se como um dos mais importantes actores franceses. Trabalha com F. Truffaut, M. Pialat, P. Weber, C. Berri, e muitos outros. <br />Foram-lhe atribuídas duas vezes o prémio César, pelas suas interpretações em <span style="font-style: italic;">Le Dernier métro</span> (1980) de François Truffaut e <span style="font-style: italic;">Cyrano </span>(1990) de Jean-Paul Rappeneau. O último valeu-lhe igualmente a nomeação ao Óscar de Melhor Actor Estrangeiro. O seu porte favorece igualmente a sua interpretação do herói dos quadrinhos Obélix em <span style="font-style: italic;">Astérix e Obélix Contra César</span>, adaptação para o cinema da obra de Goscinny e Uderzo. O filme foi um enorme sucesso na França e no mundo, sendo continuado em 2002 por <span style="font-style: italic;">Astérix & Obélix: Missão Cleópatra</span>. E hoje em dia o ator francês mais conhecido no mundo. <br />




Participação nos filmes

  • Bellamy
  • Bellamy
  • Bellamy
  • Bellamy
  • Bellamy

Bellamy

(França 2008). De Claude Chabrol. Com Clovis Cornillac, Gérard Depardieu, Jacques Gamblin, Marie Bunel, Marie Matheron. Em cores/106’.

Sinopse

Sinopse


Como faz todos os anos, o delegado Paul Bellamy vai passar as férias em Nîmes, na casa da família de sua mulher Françoise, que sonha com cruzeiros ao outro lado do mundo... Paul não pode passar sem Françoise, mas detesta viagens. Um duplo pretexto o mantém em Nice: as chegadas repentinas de seu irmão Jacques, um aventureiro convicto e beberrão, e a de um homem pedindo proteção. Em seu desejo empático de ajudar os outros, de preferência sem sair do lugar, Paul dedicará a eles tempo e trabalho. Sua curiosidade natural para investigar terá passe livre e a posição de irmão mais velho lhe dará muito que fazer...

Bimboland

(França 1998). De Ariel Zeitoun. Com Amanda Lear, Aure Atika, Dany Boon, Gérard Depardieu, Judith Godrèche, Sophie Forte. Em cores/90’.

Sinopse

Sinopse

Cécile, etnóloga e intelectual, irá conhecer, por conta de sua tese, Alex. Ela passará a freqüentar o ambiente desta jovem que é diferente dela em tudo. É assim que ela se vê na tribo dos Bimbos onde tudo é aparência e sedução. Esta nova arte de viver irá revelar a Cécile aspectos desconhecidos de sua verdadeira natureza. As aparências contam mais do que o intecto ?
  • Boudu - um hóspede muito folgado
  • Boudu - um hóspede muito folgado
  • Boudu - um hóspede muito folgado

Boudu - um hóspede muito folgado

Boudu (França 2005). De Gérard Jugnot. Com Gérard Jugnot, Catherine Frot, Gérard Depardieu. Em cores/94’.

Sinopse

Sinopse

Em um vilarejo da França (Aix – en – Provence), numa noite de primavera, Christian -um artista plástico endividado- salva do afogamento, Boudu, um homem que tentava se suicidar. Heróico pela circunstância, leva Boudu para sua casa por algumas horas somente... Mal sabia ele que Boudu ficaria ali por muito tempo. Dividido entre sua mulher, Boudu e seu negócio, Christian acaba vendo tudo ir por água abaixo. Ainda por cima, ele tem uma assistente a quem tenta seduzir com muito esforço. A chegada de Boudu na vida de Christian provoca uma reviravolta tremenda, bagunçando o coreto de vez.

Veja o trailer!

  • Camille Claudel
  • Camille Claudel
  • Camille Claudel

Camille Claudel

(França 1988). De Bruno Nuytten. Com Gérard Depardieu, Isabelle Adjani, Laurent Grévill. Em cores/175’.

Sinopse

Sinopse

Em Paris, em 1885, a jovem escultora Camille Claudel entra em conflito com a sua família burguesa ao tornar-se aprendiz e ,depois, assistente do famoso Auguste Rodin. Quando ela se transforma em amante dedo mestre (que já é casado), cai em desgraça junto à sociedade parisiense, embora tenha amigos do porte do compositor Claude Debussy. Depois de quinze anos de tortuoso relacionamento com Rodin, Camille rompe o romance e mergulha cada vez mais na solidão e na loucura. Por iniciativa de seu irmão mais novo, o escritor Paul Claudel, é internada em 1913 num manicômio.

* Oscar 1990 - Indicação aos prêmios de Melhor Atriz e Melhor Filme Estrangeiro.
* Globo de Ouro 1990 - Indicação à categoria de Melhor Filme Estrangeiro.
* Festival de Berlim 1988 - Prêmio de Melhor Atriz.
* César 1989 - 5 Prêmios (incluindo Melhor Filme) e outras 7 Indicações.
  • Catherine Deneuve, bela e bem aqui
  • Catherine Deneuve, bela e bem aqui
  • Catherine Deneuve, bela e bem aqui

Catherine Deneuve, bela e bem aqui

Catherine Deneuve, belle et bien la (França 2009). De Anne Andreu. Com André Techiné, Arnaud Desplechin, Catherine Deneuve, Gérard Depardieu. Em cores/51’.

Sinopse

Sinopse

Catherine Deneuve zomba da fama, mas faz muito tempo que a glória faz dela um ícone que ocupa o nosso imaginário. A estrela não deixa que se aproximem facilmente, mas quando se ganha a sua confiança, ela desata a falar. Se a carreira de Catherine Deneuve narra meio século de cinema, ela testemunha também a força de uma geração que conheceu as mais fortes transformações do mundo.

Cyrano

Cyrano de Bergerac (França 1990). De Jean-Paul Rappeneau. Com Anne Brochet, Gérard Depardieu, Vicent Perez. Em cores/135’.

Sinopse

Sinopse

Cyrano é um homem tímido e de nariz muito grande, mas é reconhecido por ser ótimo espadachim e poeta.
  • De Bem com a Vida
  • De Bem com a Vida

De Bem com a Vida

Unhook the Stars (Estados Unidos, França 1996). Com Gérard Depardieu, Marisa Tomei. Em cores/102’.

Sinopse

Sinopse

Mildred é uma mulher mais velha que passou a vida cuidando de outras pessoas. Quando sua filha finalmente sai de casa, ela acha que não terá com quem mais se preocupar. No entanto, logo ela acaba envolvida na vida de Monica, uma jovem mãe solteira cujo marido a deixou.
  • Diamante 13
  • Diamante 13
  • Diamante 13
  • Diamante 13
  • Diamante 13

Diamante 13

Diamant 13 (Bélgica, França, Luxemburgo 2009). De Gilles Béhat. Com Aïssa Maiga, Asia Argento, Aurélien Recoing, Gérard Depardieu, Olivier Marchal. Em cores/’.

Sinopse

Sinopse


Amparado numa interpretação - como de costume - magnífica de Gérard Depardieu, esta produção mostra uma Paris sem romantismo algum, ambientada no submundo da Cidade-Luz. E é neste cenário que o roteiro traça um enorme duelo, tendo de um lado um policial veterano, e de outro seu melhor amigo que se tornou um dos traficantes mais procurados e perigosos do país.

  • Dumas
  • Dumas
  • Dumas

Dumas

L'autre Dumas (França 2010). De Safy Nebbou. Com Benoît Poelvoorde, Dominique Blanc, Gérard Depardieu. Em cores/105’.

Sinopse

Sinopse


Todos conhecem Alexandre Dumas como o famoso escritor, mas nem todos sabem que ele não escreveu sozinho. A história de Dumas e Maquet, grande amigo e co-autor desvalorizado de muitas de suas obras.

  • Dupla Confusão
  • Dupla Confusão
  • Dupla Confusão
  • Dupla Confusão
  • Dupla Confusão

Dupla Confusão

Tais-toi! (França 2003). De Francis Veber. Com Jean Reno, André Dussolier, Gérard Depardieu. Em cores/85’.

Sinopse

Sinopse

Ruby um ladrão que, após esconder seu roubo mais recente, é capturado e preso em uma cadeia. Lá ele conhece Quentin, um homem tagarela e tapado que se torna seu amigo. Ruby consegue fugir, sendo obrigado a levar Quentin consigo. Já fora da prisão, Ruby passa a perseguir seus antigos parceiros de crime, para se vingar da morte da mulher que amava e também para recuperar o dinheiro roubado antes que eles o encontrem.