Dominique Cabrera



Participação nos filmes

  • Corniche Kennedy
  • Corniche Kennedy
  • Corniche Kennedy

Corniche Kennedy

(França 2016). De Dominique Cabrera. Com Aïssa Maiga, Lola Créton. Em cores/94’. Classificação etária Livre.

Sinopse

Sinopse

Corniche Kennedy. No azul do Mediterrâneo, no sopé das moradias de luxo, os jovens de Marselha desafiam as leis da gravidade. Meninas e meninos mergulham, voam, correm riscos de viver mais fortes.
  • Crônica de uma periferia comum
  • Crônica de uma periferia comum
  • Crônica de uma periferia comum

Crônica de uma periferia comum

Chronique d'une banlieue ordinaire (França 2000). De Dominique Cabrera. Em cores/56’.

Sinopse

Sinopse

A diretora, que passou sua infância em um edifício de HLM (Habitação de Aluguel Moderado) na Normandia, soube que um edifício desses no município de Mantes-la-Jolie estava fadado à destruição. Ela teve então a ideia de evocar seus vinte anos de história, trazendo de volta seus antigos habitantes. O filme é concomitantemente uma meditação sobre o tempo, um mergulho sociológico no mundo dos HLM e uma coleção intimista de lembranças e confidências.

L'autre Côté de la Mer

(França 1996). De Dominique Cabrera. Com Claude Brasseur, Roschdy Zem. Em cores/89’.

Sinopse

Sinopse

Verão de 1994. Georges Montero, um pied-noir (cidadão francês que mora na Argélia), pequeno empresário, chega à França pela primeira vez, para uma operação de catarata. Tarek Timzert, seu cirurgião, é filho de imigrantes argelinos e nunca pôs os pés na Argélia. Entre eles floresce uma bela amizade. Primeiro longa-metragem sensível e firme de Dominique Cabrera, pied-noire francesa de origem espanhola, conhecida por seus documentários.
  • O Leite do Carinho Humano
  • O Leite do Carinho Humano
  • O Leite do Carinho Humano

O Leite do Carinho Humano

Le Lait de la tendresse humaine (França 2001). De Dominique Cabrera. Com Dominique Blanc, Marilyne Canto, Olivier Gourmet, Patrick Bruel, Sergi Lopez, Valeria Bruni Tedeschi. Em cores/95’.

Sinopse

Sinopse


Certo dia, Christelle dá a louca. Ela sai de seu apartamento enquanto sua filha menor está na banheira e a pia está transbordando. Ela anda desnorteada e acaba achando abrigo na casa de uma de suas vizinhas do prédio, Claire, que mal a conhece. Seu marido Laurent encontra-se desamparado com seus dois filhos e o neném. Ele a procura, interroga a família, os amigos... Todos precisam de tempo para si: o marido, Christelle, e Claire, que é confrontada com a sua história.